Agência humanitária entrega comida a áreas islâmicas da Somália

Apesar da restrição de grupo extremista, a Cruz Vermelha conseguiu chegar a áreas mais afetadas pela seca.

BBC Brasil, BBC

24 de julho de 2011 | 19h15

O Comitê Internacional da Cruz Vermelha anunciou neste domingo que conseguiu entregar comida a 24 mil pessoas na região da Somália controlada pelo grupo islâmico al-Shabaab, que das mais afetadas pela seca que assola o país.

Apesar de alimentar apenas uma pequena parcela dos somalis que estão passando fome (a ONU estima que sejam 2,2 milhões), a ação é importante pois indica que, apesar de o grupo ter proibido a atuação de algumas agências humanitárias nas áreas sob seu controle, outras estão conseguindo agir.

O Programa Alimentar Mundial, da ONU, uma das maiores agências humanitárias do mundo, é uma das organizações banidas pelo al-Shabaab. Além da Cruz Vermelha, a organização Médicos Sem Fronteiras também está conseguindo trabalhar na região.

Nesta segunda-feira, a FAO (agência alimentar da ONU), vai fazer uma conferência de emergência em Roma, com o objetivo de fazer um apelo incentivar os doadores para obter US$ 1,6 bilhão para combater a fome na região do Chifre da África, que além da Somália inclui também Eritreia, Etiópia e Djibuti.

Arroz e feijão

A Cruz Vermelha afirmou que a distribuição de comida aconteceu no sábado em áreas próximas à capital Mogadíscio e que agora estava movendo seus caminhões para outras regiões.

Os pacotes de alimentos continham feijão, arroz e óleo em quantidades necessárias para alimentar uma família por um mês.

A diretora-executiva do Programa Alimentar da ONU, Josette Sheeran, que está na Somália, disse que a agência tem capacidade para ajudar 1,5 milhão de somalis e disse que a insegurança no país está prejudicando o acesso a essas pessoas.

"Para lidar com isso, estamos desenvolvendo pacotes de comida que serão entregues por aviões. Também estamos trabalhando com líderes comunitários e aproveitando todas as janelas de oportunidade para garantir que a ajuda chegue aos famintos", disse Sheeran. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
fomesomaliaafricacruz vermelhaonu

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.