"Agora é vital derrubar Arafat", diz ministro israelense

"Agora é vital derrubar (Yasser) Arafat", disse hoje o ministro de Segurança Interna israelense, Uzi Landau, citado pela rádio estatal de Israel. O domingo tem sido de muita violência entre judeus e palestinos. Tropas israelenses trocaram tiros pela manhã com a guarda do líder Yasser Arafat, e dois palestinos realizaram novos atentados suicidas, um em Haifa, onde 12 pessoas morreram, outro num assentamento judeu na Cisjordânia, com 4 feridos. Arafat, cercado pelas forças de Israel, fez um apelo à comunidade internacional pedindo ajuda "urgente".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.