Ahmadinejad diz que Irã quer cooperar com o Iraque

O presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, afirmou que seu país quer usar sua experiência para ajudar o vizinho Iraque a progredir. Os comentários divulgados no site presidencial foram feitos após uma reunião entre Ahmadinejad e o presidente do Iraque, Jalal Talabani. Os dois países têm relações próximas desde que o ex-ditador iraquiano, Saddam Hussein, foi deposto em 2003. Hussein liderou uma guerra de oito anos contra o Irã nos anos 1980. O conflito deixou cerca de um milhão de mortos dos dois lados.Os Estados Unidos seguidamente acusam o Irã, de maioria xiita, de usar sua influência sobre a maioria xiita iraquiana para confrontar as forças lideradas pelos norte-americanos. O Irã nega tal acusação, dizendo que a ocupação dos EUA é que causa o temor entre os iraquianos. Ahmadinejad também disse hoje que seu país busca laços mais próximos com o Bahrein. A relação bilateral ficou estremecida recentemente, quando um clérigo iraniano disse, segundo a mídia árabe, que o Bahrein era a 14.ª província iraniana até 1970. Com isso, cresceu o temor no Bahrein de que o Irã mantenha suas demandas em relação à ilha. O Bahrein é governado por uma elite sunita, mas sua maioria xiita tem laços próximos com os iranianos. O ministro de Relações Exteriores do país notou que as boas relações com Teerã são muito importantes para o Bahrein.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.