Ahmadinejad diz que planeja encontrar Obama se for reeleito

Presidente iraniano afirma que só vai discutir programa nuclear de acordo com regras da ONU.

BBC Brasil, BBC

25 de maio de 2009 | 14h48

O presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, disse nesta segunda-feira que deseja discutir uma série de assuntos com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, se conseguir ser reeleito.

Ahmadinejad concorre nas eleições presidenciais iranianas marcadas para o próximo dia 12.

Em entrevista a jornalistas estrangeiros na capital Teerã, Ahmadinejad afirmou desejar discutir assuntos globais com Obama durante o encontro da ONU em setembro.

Mas o líder iraniano ressaltou que só aceita discutir o programa nuclear do país segundo as regras ditadas pela agência nuclear da ONU.

Coreia do Norte

"Não vamos permitir que ninguém negocie conosco por fora das regras estabelecidas pela agência", disse Ahmadinejad. "A partir de agora, prosseguiremos de acordo com o regulamento estabelecido pela agência."

"O assunto nuclear está encerrado para nós", acrescentou. "Nossas conversas com superpotências só vão ser a respeito de colaboração para lidar com temas globais, e nada além disso."

Em março, Obama disse que deseja dialogar com o Irã. Os Estados Unidos acusam o governo iraniano de usar seu programa nuclear como uma fachada para a fabricação de armas - acusação negada pelo Irã.

Ahmadinejad negou que o Irã tenha colaborado com a Coreia do Norte, que anunciou a realização de um teste nuclear nesta segunda-feira.

"Por princípio, nos opomos à produção, à expansão e ao uso de armas de destruição em massa", disse o presidente iraniano. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.