Aiatolá pede a Alá que mate Sharon e Bush

O destacado clérigo iraniano aiatolá Ahmad Jannati - um dos linhas-duras do regime - pediu a Alá que mate o primeiro-ministro israelense, Ariel Sharon, e o presidente dos EUA, George W. Bush, por causa do elevado número de vítimas muçulmanas no mundo.Aparentemente, ele se referia aos palestinos, no sermão proferido para marcar um feriado religioso dos xiitas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.