Ainda não foi encontrada escola soterrada nas Filipinas

Sem a certeza de estarem cavando no local correto, o contingente que tenta resgatar os sobreviventes da escola soterrada continuam com a procura nesta terça-feira, mesmo sabendo que o tempo de vida de possíveis sobreviventes já pode ter se esgotado."Nós não encontramos qualquer estrutura que indique a localização da escola", disse Joel Son, no comando do grupo de mineiros que trabalham no local.Foi mais um dia frustrante. Nenhum sobrevivente foi encontrado desde as primeiras horas do deslizamento da sexta-feira passada, que varreu o vilarejo de Guinsaugon da ilha de Leyte. A contagem oficial de mortos chega a 107, e as autoridades temem que o número ultrapasse a casa dos mil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.