Air India confirma resgate de oito sobreviventes em acidente aéreo

Número de mortos ainda não foi confirmado pela empresa aérea

Efe,

22 Maio 2010 | 04h39

Menina é uma dos oito sobreviventes da tragédia aérea que atingiu Mangalore, sul do país  

 

 

NOVA DÉLHI - A companhia aérea Air India informou que até agora oito pessoas foram resgatadas com vida do avião que se acidentou na madrugada deste sábado, 22, no aeroporto de Mangalore (sudoeste indiano) com 160 passageiros e seis tripulantes, número agora confirmado pela empresa.

Veja também:

link Avião sai da pista e colide na Índia; ao menos 160 morrem

Um responsável de Pessoal da companhia, Anup Srivasta, em entrevista coletiva transmitida pelo canal televisivo NDTV, não confirma o número de falecidos, e acrescentou que "as equipes de resgate estão ainda trabalhando" no lugar do acidente.

O aparelho, um Boeing-737 da Air India Express, procedente de Dubai, "se envolveu em um acidente às 6h30 locais" (22h de sexta-feira em Brasília), confirmou a fonte.

"O acidente ocorreu após a aterrissagem do avião, que saiu da pista", complementou.

A companhia está "confirmando as baixas" causadas pelo acidente, segundo Srivasta, que acrescentou que "oito pessoas foram resgatadas e levadas a um hospital".

O canal NDTV mostrou imagens do aparelho, completamente destruído e carbonizado, com apenas parte da cauda intacta, no barranco onde se acidentou após sair da pista.

Segundo fontes oficiais citadas pela agência indiana PTI, o Boeing acidentado tinha aterrissado na nova pista do aeroporto, inaugurada há apenas dez dias.

O aeroporto de Bajpe, a 20 de quilômetros de Mangalore, fica em uma colina, e é considerado um dos mais complicados da Índia pra decolagens e aterrissagens.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.