Airbus com 225 a bordo faz pouso forçado na Austrália

Um avião de passageiros da companhia aérea Emirates com cerca de 225 pessoas a bordo teve que realizar um pouso de emergência na Austrália, depois de bater com a cauda na pista quando decolava, informaram autoridades. Ninguém ficou ferido, mas os passageiros disseram ter ficado assustados quando perceberam que algo estava errado, logo após o Airbus A-340 ter decolado na cidade de Melbourne, na sexta-feira à noite, rumo a Dubai.

AE-AP, Agencia Estado

21 de março de 2009 | 09h43

Após o choque, que deixou pedaços do jato na pista e derrubou algumas luzes, o piloto sobrevoou o mar e deixou cair combustível, antes de retornar ao aeroporto e pousar, sem incidentes. A rede de televisão Australian Broadcasting Corp disse que a tripulação notou fumaça na cabine durante os quase 45 minutos em que o avião ficou no ar. A companhia aérea de Dubai declarou ter enviado uma equipe de inspeção de segurança a Melbourne para investigar o incidente.

Tudo o que sabemos sobre:
aviãoacidenteAustrália

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.