Al Gore se declara indeciso sobre apoio em disputa democrata

Ex-vice-presidente é um dos superdelegados do Partido Democrata na convenção partidária de agosto

REUTERS

20 de maio de 2008 | 09h12

O ex-vice-presidente dos Estados Unidos Al Gore disse nesta terça-feira, 20, que ainda não decidiu se apoiará um dos candidatos à indicação do Partido Democrata para a disputa presidencial norte-americana deste ano.   Veja também: Obama pode conquistar maioria dos delegados nesta terça Homem mais rico do mundo dá como certa indicação de Obama Confira a disputa em cada Estado Conheça a trajetória dos candidatos Cobertura completa das eleições nos EUA "Ainda não apoiei ninguém e não o farei hoje", disse Gore ao responder a pergunta de um repórter durante uma conferência de tecnologia em Israel. "Não decidi se ou quando farei."  Gore, candidato derrotado na eleição presidencial de 2000, é um dos superdelegados do Partido Democrata na convenção partidária marcada para agosto, em Denver. Os superdelegados, membros do Congresso e outros importantes integrantes da legenda que são livres para votarem em quem quiserem na convenção partidária, podem ser o fator decisivo na apertada disputa entre os senadores Barack Obama e Hillary Clinton pela indicação democrata às eleições presidenciais.

Tudo o que sabemos sobre:
Al Goreeleições nos EUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.