Al-Jazira diz que mulá Omar está vivo

A cadeia de televisão árabe Al-Jaziraanunciou hoje ter recebido um comunicado do mulá Omar, olíder destituído dos talebans, no qual ele promete acontinuidade da luta até que o Afeganistão "seja libertado". O mulá "advertiu que a guerra santa (jihad) continuará atéque o Afeganistão seja libertado e os ensinamentos islâmicos,reaplicados", afirmou a rede, com sede no Catar, em seunoticiário de hoje. A Al-Jazira - que em várias ocasiões mostrou vídeos de Osamabin Laden - apresentou um comunicado de imprensa da parte deOmar que teria sido escrito em virtude do 11 de setembro,aniversário dos atentados terroristas nos Estados Unidos. Noentanto, a rede não informou como o comunicado chegou às suasmãos nem de que forma o líder espiritual pôde enviá-lo.Hoje, o presidente do Afeganistão, Hamid Karzai,afirmou em Nova York, onde participa da abertura da AssembléiaGeral da ONU, que o mulá Omar está vivo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.