Al-Jazira mostra imagens de reféns russos no Iraque

A rede de notícias árabe Al-Jazira exibiu imagens neste domingo de dois russos mantidos como reféns no Iraque, e apresentou uma declaração de um grupo que exige a retirada de tropas estrangeiras do país. O vídeo mostra dois homens, aparentemente bem de saúde, sentados de encontro a uma parede. Um deles bebe de um copo metálico. Os homens parecem estar conversando com pessoas fora da tela. A Al-Jazira não quis esclarecer como ou quando recebeu o vídeo e a declaração que o acompanha. O texto, atribuído a um grupo que se refere a si mesmo como Exército da Al-Ta´ifah al-Mansurah (Seita Vitoriosa), diz que os russos foram seqüestrados e exige a retirada dos estrangeiros do Iraque. Os russos, funcionários da empresa Interenergoservis, haviam sido atacados na segunda-feira em Musayyib, 60 km ao sul de Bagdá, onde trabalhavam numa estação de energia, disse um diplomata. Um trabalhador foi morto e os outros dois, capturados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.