AL precisa diversificar suas economias, diz Humala

O presidente do Peru, Ollanta Humala, disse neste sábado que o país e o resto da América Latina precisam diversificar suas economias a fim de se tornarem menos vulneráveis a flutuações de preços das commodities, das quais a região é uma grande produtora.

CLARISSA MANGUEIRA, Agência Estado

14 de abril de 2012 | 12h57

Falando para uma audiência de líderes empresariais e chefes de Estado na Sexta Cúpula das Américas, Humala convidou os investidores a ajudarem o Peru com sua meta de diversificação, afirmando que o país tem regras claras para investimentos.

"O Peru abre as portas para muitas oportunidades da América Latina", disse o presidente peruano, acrescentando que investimentos de prazo mais longo contribuem para ao desenvolvimento do país.

Humala declarou também que a desigualdade na América Latina é muito alta, tornando as ligações entre fronteiras e de compartilhamento de tecnologia muito importantes. Como outros países da região, o Peru tem tentado equilibrar a condução para projetos de investimento com a necessidade de preservar as culturas centenárias e proteger o meio ambiente. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Ollanta HumalaPeruinvestimetnos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.