Al-Qaeda não está liqüidada, diz diplomata dos EUA

Embora tenha sidodissolvida em sua estrutura, a Al-Qaeda - a organizaçãoterrorista de Osama bin Laden - ainda não pode ser consideradaliqüidada. Das 42 pessoas que compõem a cúpula da organização, sófoi confirmada a morte de seis nas ações militares das últimassemanas; outras duas foram capturadas e o resto escapou. Foi o que informou o diplomata americano Keith Kenton,porta-voz em Islamabade da coalizão internacional liderada pelosEUA. Kenton também divulgou a lista completa dos nomes doslíderes da Al-Qaeda que até o momento foram neutralizados: osdetidos são Abdul Aziz e Abu Faisal, que desde meados dedezembro estão em mãos dos serviços secretos americanos. Os seis que morreram são: Mohammad Afef (um dos vice deBin Laden), Abu Saleh al Yemeni (coordenador de operações), AbuUbaida (chefe de instrutores), Muhammad Salah, Assadullah eTariq Anwar Fathy. No que diz respeito a Bin Laden, algumas versões o davamcomo morto, mas agora surgiu um novo vídeo que coloca em dúvidaa notícia. Em Cabul, o novo ministro do Interior afegão, YunisQanuni, confirmou a versão de Kenton ao dizer que a "Al-Qaedasimplesmente perdeu terreno, mas não perdeu seu corpo executivo;é uma rede muito perigosa". O ministro também pediu à comunidade internacional queintensifique a guerra contra o terrorismo. "Uma dasalternativas para combater a Al-Qaeda é que a coalizãoantiterrorista prossiga em sua campanha", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.