Al-Qaeda pode estar envolvida na morte de Pearl

Três árabes são suspeitos de terem participado do seqüestro e assassinato do jornalista norte-americano Daniel Pearl, o que pode indicar o envolvimento da organização terrorista Al-Qaeda no crime. As autoridades paquistanesas informaram que estão à procura desses homens, mas não deram nenhum detalhe sobre sua nacionalidade ou o papel que teriam tido na operação. Há fortes suspeitas do envolvimento da Al-Qaeda porque um dos acusados de ter planejado o seqüestro, o militante islâmico britânico Ahmed Omar Saeed, conhecido como xeque Omar, detido pela polícia de Karachi desde o início do mês, confessou ter-se encontrado pessoalmente no Afeganistão com o líder da Al-Qaeda, o terrorista saudita Osama bin Laden.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.