Al-Sadr aceita retirar militantes da parte antiga de Najaf

Após mais de uma semana de confrontos, o líder xiita Muqtada al-Sadr aceitou hoje retirar seus militantes da parte antiga da cidade de Najaf, revelou o canal de televisão "Al Arabiya". Antes do anúncio, as tropas americanas já haviam interrompido a ofensiva que começou ontem. Assessores de al-Sadr informaram que ele ficou ferido durante os ataques. Protestos contra a ofensiva americana foram realizadas em várias cidades. Em Bagdá, até policiais participaram da manifestação em frente ao QG americano. Um porta-voz de al-Sadr em Bagdá pediu hoje que os xiitas "marchem a Najaf".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.