Al-Sadr pede reação se mesquita for atacada

O clérigo xiita Muqtada al-Sadr conclamou todos os muçulmanos a reagirem caso o santuário Imam Ali, em Najaf, seja atacado. Em sermão lido em seu nome, Al-Sadr disse que quer que as autoridades religiosas tomem o controle da Cidade Antiga, atualmente sob domínio do exército Mahdi, comandado por Al-Sadr. As forças norte-americanas estão lutando contra esse exército há duas semanas. "Eu clamo a todo o povo árabe e iraquiano: se vocês virem a cúpula do santuário Imam Ali sendo bombardeada, não hesitem em resistir aos ocupantes de nosso país", disse Al-Sadr.Não ficou exatamente claro se Al-Sadr estava pedindo um ataque mundial contra as forças dos EUA, as quais ele geralmente se refere como os ocupantes do Iraque. Combates entre os insurgentes e uma força conjunta entre os EUA e o Iraque já mataram 77 pessoas e feriram outras 70 desde a manhã de ontem, informou o Ministério da Saúde. A situação na cidade parece ter se acalmado um pouco na manhã de hoje.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.