Alarme falso de gás fecha Congresso dos EUA

A polícia do Congresso fechou na segunda-feira, durante quase quatro horas, os acessos a um dos edifícios do Senado dos EUA depois que os alarmes contra gás foram disparados. A medida de segurança foi cancelada após os exames indicaram que o incidente foi um alarme falso. Uma porta-voz da polícia do Congresso disse que os alarmes indicaram a presença de uma substância suspeita perto de um escritório encarregado da distribuição do correio. Vários veículos do Corpo de Bombeiros e ambulâncias foram deslocados para o local, antes que grupos de analistas em materiais perigosos examinassem as instalações sem encontrar nada suspeito, acrescentou a fonte. Não se sabe exatamente como o alarme foi disparado. O incidente está sob investigação, disse a porta-voz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.