Alasca ganha o primeiro "disk-pizzas" aéreo

No último natal, os moradores do vilarejo esquimó yupik de Savoonga conseguiram adicionar mais um prato na sua dieta, basicamente, composta por baleias, leões-do-mar e veados - pizza. Sim, a pizza é feita na cidade de Nome, a 273 quilômetros de Savoonga, e enviada para o vilarejo por um sistema de entregas aéreas. Um pequeno sistema de entregas, Aeroporto da Pizza, abriu a alguns meses, e muitos dos 700 moradores de Savoonga estão ansiosos para experimentar algo novo. A primeira e única pizzaria de Nome faz um serviço duro na cidade, com 3.500 residentes. Mas o que surpreende é que além de entregar na cidade, ela utiliza um avião para distribuir suas pizzas para outros vários vilarejos da região. O vilarejo de Savoonga, a ilha de São Lourenço no mar gelado de Bering, pediu um serviço especial da pizzaria. Foram 50 pizzas, metade de frango e a outra metade de bacon canadense com abacaxi. A Frontier Flying Service, uma linha aérea interestadual, se tornou voluntária para fazer as entregas. O gerente da Frontier, Craig Kenmonth, disse que o serviço de entrega gratuito ajuda o mercado local e as comunidades isoladas. "Nosso sucesso é atrelado com o sucesso das comunidade que nós servimos," disse Kenmonth. "E também é algo divertido de se fazer." A empresa é composta apenas por uma cozinha, com uma batedeira de massas comprada de uma padaria que fechou, e de um gigantesco fogão conseguido de uma outra pizzaria que se transformou em um restaurante de comida chinesa. Cinco empregados fazem 30 tipos de pizzas, incluindo a de frango polinésio ao molho barbecue, enchilada mexicana e mediterrânea.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.