Albaneses desrespeitam cessar-fogo

Insurgentes albaneses étnicos lançaram um ataque de infantaria neste domingo contra forças do governo macedônio na região de Tetovo, violando um cessar-fogo que vigora há cerca de duas semanas, informou o Ministério de Defesa da Macedônia. O porta-voz Marjan Djurovski contou que os rebeldes abriram fogo contra posições do Exército macedônio nas cidades de Sipkovica e Gajre, e que as tropas do governo responderam. Dois soldados macedônios ficaram feridos no combate, que durou cerca de duas horas. Não estava claro se a violação do cessar-fogo teria impacto negativo na retomada das negociações de paz, prevista para amanhã, entre representantes da maioria macedônia e políticos albaneses étnicos. O governo da Macedônia informou ter comunicado à Organização para Segurança e Cooperação na Europa (OSCE) e à Missão Européia de Monitores sobre a violação da trégua. Autoridades locais também disseram ter recebido relatórios de campo, segundo os quais "terroristas albaneses" estariam investindo contra um estádio de futebol situado na periferia de Tetovo e atacando as tropas federais estacionadas nos arredores.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.