Alemanha destinará ? 2 bi à África em 4 anos, diz revista

A Alemanha quer aumentar a ajuda econômicapara a África e a chanceler alemã, Angela Merkel, está disposta a desembolsar ? 2 bilhões nos próximos quatro anos, segundo informações da revista alemã Der Spiegel. A publicação afirma em sua próxima edição, que sairá na segunda-feira, que a chanceler e presidente de turno do Grupo dos Oito (G8, os sete países mais industrializados e a Rússia) deve anunciar a medida durante a cúpula que acontecerá em Heiligendamm (nordeste da Alemanha) em junho. Os recursos serão destinados em partes iguais para a luta contra a Aids e iniciativas para melhorar o sistema educacional. O Governo alemão elegeu a ajuda à África como um dos temas centrais de sua Presidência do G8, por isso a medida deve ser anunciada na reunião do grupo. No entanto, segundo a "Der Spiegel", a iniciativa serve apenas para manter estável a cota que a Alemanha destina à ajuda ao desenvolvimento em relação ao Produto Interno Bruto. Até agora, grande parte da ajuda ao desenvolvimento era computada através do perdão da dívida de países pobres. Como o volume do que a Alemanha tem que receber de outras nações é cada vez menor,o Governo deve aumentar as ajudas diretas se quiser pelo menos manter a cota (atualmente 0,37% do PIB), afirma a revista.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.