Alemanha é levada à corte européia por não proibir publicidade de cigarros

A Comissão Européia anunciou nesta quarta-feira que denunciou a Alemanha ao Superior Tribunal da União Européia (UE) por sua recusa em adotar uma lei que proíbe publicidade de cigarros nos países do bloco.O comissário de Saúde e Defesa do Consumidor da UE, Markos Kyprianou, considera que os anúncios publicitários "glamourizam o tabaco e incitam crianças e jovens a começar a fumar".De acordo com ele, todos os 25 governos dos países pertencentes à UE serão fiscalizados para que seja cumprida a lei européia que proíbe anúncios de cigarro em veículos de comunicação impressos, no rádio e na internet.A lei proíbe também anúncios de cigarro em eventos esportivos como corridas de Fórmula 1. A Alemanha poderá ser multada, caso o Superior Tribunal da UE considere procedente a denúncia.Os governos da UE aceitaram a lei que proíbe publicidade de cigarros em 2003 e tinham até julho do ano passado para implementá-la em seus territórios.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.