Alemanha entregará nove piratas somalis ao Quênia

O Exército da Alemanha informou hoje que entregará ao Quênia nove somalis que tentaram assaltar um navio de carga alemão no Golfo de Áden, no Oceano Índico. De acordo com informações que constam no site da instituição na internet, a fragata Rheinland-Pfalz, onde os piratas suspeitos estão presos, deverá entregá-los às autoridades quenianas no porto de Mombasa na terça-feira.De acordo com o Exército alemão, os somalis foram capturados no dia 3, quando atacaram um navio da MV Courier, empresa de carga de Hamburgo. O Ministério de Relações Exteriores da Alemanha disse que seu embaixador no Quênia irá entregar um pedido de acusação amanhã.A União Europeia e o Quênia alcançaram um acordo na última sexta-feira que permite que o país processe piratas suspeitos capturados por forças policiais da UE. Estados Unidos e Grã-Bretanha também têm acordos similares com o país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.