Alemanha oferece robôs ao Japão para limpeza nuclear

A Alemanha ofereceu enviar ao Japão robôs comandados por controle remoto para limpar e consertar os reatores danificados da usina nuclear de Fukushima, que está vazando radiação após ter sido atingida por um terremoto e tsunami.

REUTERS

30 Março 2011 | 16h34

A chanceler (primeira-ministra) alemã, Angela Merkel, ofereceu ao premiê japonês, Naoto Kan, "equipamento especial controlado por rádio da Alemanha que pode ser usado para limpar e reparar os reatores", disse o porta-voz dela, Steffen Seibert, em comunicado.

O Japão estava considerando a oferta, de acordo com a nota divulgada nesta quarta-feira.

Os operadores da usina de Fukushima Daiichi não estão conseguindo controlar o complexo nuclear, 240 quilômetros ao norte de Tóquio, que continua a sofrer vazamento de radiação. Os riscos à saúde são crescentes devido à presença de elementos radioativos do lado de fora da usina.

O trabalho para reiniciar os sistemas de resfriamento, que são fundamentais para controlar o reator e impedir uma catástrofe ainda maior, é realizado sob condições extremamente perigosas e pode levar meses.

Os Estados Unidos vão enviar alguns robôs que detectam radiação para ajudar o Japão.

(Reportagem de Brian Rohan)

Mais conteúdo sobre:
JAPAO NUCLEAR ALEMANHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.