Alemanha prende ex-integrante do ETA

Autoridades alemãs informaram nesta sexta-feira que prenderam um suspeito de pertencer ao grupo separatista basco ETA que estava foragido desde 2004. A polícia do Estado de Hesse, na Alemanha, informou que um espanhol de 49 anos foi detido na cidade de Mannheim, sem identificar o prisioneiro.

Estadão Conteúdo

31 de outubro de 2014 | 20h53

Segundo os policiais, o homem é suspeito de ter sido um especialista em logística de alto perfil no ETA e é acusado de adquirir e produzir explosivos para fazer atentados. O homem foi condenado na França de pertencer a uma organização terrorista e organizar ataques e deverá ser extraditado a esse país para cumprir a pena.

O ETA declarou um "cessar-fogo permanente" em 2011 e é culpado pela morte de 830 pessoas em campanha por um país independente no norte da Espanha e no sul da França. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
AlemanhaETAEspanha

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.