Alemanha: UE não teme impor sanções contra Rússia

O vice-chanceler da Alemanha e ministro da Economia do país, Sigmar Gabriel, disse nesta terça-feira ter alertado o Kremlin de que a Alemanha e a União Europeia "não temem" impor sanções econômicas mais duras contra a Rússia se o país não tomar medidas para reduzir a tensão na Ucrânia.

AE, Agência Estado

15 de abril de 2014 | 11h57

O ministro exortou a Rússia a se distanciar da violência no leste ucraniano e disse que espera passos concretos russos e negociações em Genebra na quinta-feira entre ministros das Relações Exteriores de Rússia e Ucrânia, além de representantes dos Estados Unidos e da UE. "Está nas mãos da Rússia evitar uma escalada ainda maior das tensões", disse o ministro. Ele negou que o Ocidente tenha contribuído para piorar o conflito. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Alemanhauerússiasançõesucrânia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.