Alemão seqüestrado na Cisjordânia

Funcionário de um hotel disse que um cidadão alemão foi seqüestrado na cidade de Nablus, Cisjordânia, num incidente aparentemente relacionado à polêmica provocada pela publicação de cartuns do profeta Maomé por um jornal dinamarquês.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.