AFP PHOTO / JUNG Yeon-Je
AFP PHOTO / JUNG Yeon-Je

Alerta de emergência disparado por engano em Guam assusta população

Duas estações de rádio emitiram o sinal, informando um aviso de ‘perigo civil’ no início da madrugada; vários ouvintes ligaram aflitos para a polícia

O Estado de S.Paulo

15 Agosto 2017 | 11h17

HAGATNA - Os moradores de Guam levaram um grande susto na madrugada desta terça-feira, 15, depois que duas estações de rádio dispararam acidentalmente alertas de emergência, indicando uma iminente ameaça ou ataque à ilha.

Vários ouvintes ligaram preocupados para a polícia, depois que as estações emitiram o Sistema de Transmissão de Alerta de Emergência, informando um aviso de "perigo civil" à 0h25 (local). Mais tarde, confirmou-se que tudo não passou de um erro.

Em meio à escalada na tensão com os EUA, a Coreia do Norte havia declarado que teria prontos, até meados de agosto, seus planos para lançar mísseis sobre Guam

A agência de notícias oficial de Pyongyang, a KCNA, informou que o líder Kim Jong-un foi informado do plano, mas sugeriu que retardaria o lançamento dos mísseis

"Moradores e visitantes devem permanecer calmos", declarou o conselheiro de Segurança Interna, George Charfauros. "Não há mudança no nível de ameaça. Tudo continua como antes."

Em nota, o órgão de Segurança Interna confirmou que "o teste não autorizado não estava ligado a qualquer emergência, ameaça ou alerta" e trabalha com as estações de rádio para "garantir que erros humanos não voltem a acontecer". / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.