Aliados bombardeiam baterias antiaéreas no Iraque

Aviões aliados bombardearam hoje duas baterias de defesa antiaérea no sul da zona de exclusão aérea do Iraque, afirmaram funcionários do Pentágono.Com armas de precisão, os aviões atacaram uma instalação de comunicações da defesa antiaérea perto de Al Jarrah, 150 quilômetros ao sul de Bagdá, e um centro de operações antiaéreas próximo a Talil, 300 quilômetros ao sul de Bagdá, afirmou, em comunicado, o comando central dos EUA. Os ataques começaram na madrugada de quarta-feira (horário iraquiano), depois que os iraquianos dispararam artilharia antiaérea e mísseis terra-ar contra os aviões que patrulhavam a região.O Iraque considera as patrulhas uma violação de sua soberania e dispara com freqüência contra os aviões que patrulham as zonas de exclusão aérea, no norte e no sul do país. Quando isso acontece, os pilotos da coalizão bombardeiam as baterias antiaéreas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.