Aliança do Norte nega ocupação "política" de Cabul

O ministro do Interior da Aliança do Norte disse em Cabul que suas tropas não estavam ocupando a capital afegã e que o movimento quer a organização de um conselho para preparar o governo transitório do Afeganistão. "Não entramos na capital para estabelecer um governo", disse Yunis Qanuni a uma TV iraniana monitorada a partir dos Emirados Árabes Unidos. "Estamos centrados na missão de oferecer segurança a Cabul e não estou aqui em condição de autoridade de governo", afirmou. "As forças que entraram na cidade são meramente de segurança. Nossas tropas não estão na cidade, elas estão posicionadas nos arredores de Cabul", acrescentou. Ele disse também que a Aliança do Norte deve tomar Jalalabad na madrugada desta quarta-feira. "Nossas forças movem-se em direção a Jalalabad", disse. Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.