Alpinistas desaparecem após avalanche no Alasca

Quatro membros de uma equipe de alpinistas japoneses podem estar mortos após uma avalanche arrastá-los em Mount McKinley, no Alasca. Funcionários do Serviço de Parque Nacional dos EUA disseram que cinco pessoas estavam viajando em grupo na quinta-feira como parte de uma expedição da Federação Alpina de Trabalhadores Miyagi.

AE, Agência Estado

16 de junho de 2012 | 18h35

Hitoshi Ogi, um dos membros da equipe, de 68 anos, foi arrastado para uma fenda e sobreviveu. Os outros quatro caíram nos detritos da avalanche e não foram mais vistos.

O Serviço de Parque Nacional disse em um comunicado que cerca de 400 montanhistas estavam ajudando nos esforços de resgate neste sábado em West Buttress. Tempestades de neve e ventos dificultam as buscas.

Os quatro alpinistas desaparecidos são Yoshiaki Kato, de 64 anos, Masako Suda, de 50, Michiko Suzuki, de 56, e Tamao Suzuki, de 63. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
avalancheAlasca

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.