Alto executivo é indicado a cargo de primeiro-ministro pelo Hamas

O Hamas indicou o executivo Jamal al-Khudairi como candidato à cadeira de primeiro-ministro da Autoridade Nacional Palestina (ANP). Uma autoridade do grupo, que falou sob a condição de não ter o nome divulgado, disse que o presidente da ANP, Mahmoud Abbas, ainda não foi informado.Caso al-Khudairi não aceite as negociações com Abbas ou recuse a nomeação ao cargo, o Hamas deverá nomear o atual ministro da economia, Mazen Sonnoqrot.Al-Khudairi, de aproximadamente 50 anos, ainda não usou o discurso da violência e não disse se reconhecerá o Estado de Israel, conservando a campanha na linha de reforma interna e retomada da educação.Al-Khudairi é dono das maiores indústrias da Cisjordânia e Gaza. É formado engenheiro na Universidade do Egito. Ele ficou 14 anos como reitor da Universidade Islâmica de Gaza, instituição quase totalmente controlada pelo Hamas.O líder político do Hamas, Khaled Meshaal, disse nesta quarta-feira que um cessar-fogo de longo prazo só será possível caso o Estado judeu retorne à suas fronteiras de 1967.Em uma entrevista no Cairo, Meshaal disse que o Hamas não irá depor armas e que resistirá à ocupação israelense em terras palestinas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.