Aluno é suspenso por 'granada imaginária'

A escola primária Mary Blair, na cidade americana de Denver, suspendeu um aluno de 7 anos por "jogar uma granada imaginária" na direção de colegas. A criança "confessou" ter feito um gesto simulando atirar uma granada durante o recreio.

O Estado de S.Paulo

07 de fevereiro de 2013 | 02h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.