Ameaça do Al-Shabab é global, reitera líder somali

O presidente da Somália, Hassan Sheikh Mohamud, reiterou nesta segunda-feira que a ameaça representada pelo grupo extremista islâmico Al-Shabab é global, e não apenas limitada a seu país.

AE, Agência Estado

23 de setembro de 2013 | 14h38

Ele fez o comentário durante discurso na Universidade Estadual de Ohio ao falar sobre a tomada de reféns em um shopping center de Nairóbi iniciada no sábado e que já deixou dezenas de mortos.

Segundo ele, os relatos segundo os quais alguns dos participantes da ação são somalis que viviam nos Estados Unidos ilustram a natureza global do Al-Shabab, grupo radical islâmico que reivindicou a autoria do ataque. Fonte: Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.