'América vive tempos difíceis' concordam candidatos em comentários finais

Em seus comentários finais no terceiro e último debate entre os candidatos à presidência dos Estados Unidos, na noite desta quarta-feira, o democrata Barack Obama e o republicano John McCain ressaltaram a necessidade de mudanças urgentes nos EUA. Ambos admitiram que o país passa por um período muito difícil e que a insatisfação é generalizada."São tempos de desafios muito difíceis para a América. Não estamos satisfeitos com os últimos oito anos. Eu tenho um histórico de lutas e reformas e passei minha vida inteira ao serviço deste país", disse McCain, que falou primeiro. Obama começou os comentários finais pela mesma linha, dizendo que os tempos são difíceis, mas apelou diretamente aos eleitores a que votem nele."A América vive tempos duros agora. É a pior crise desde a Grande Depressão. Precisamos de mudanças fundamentais neste país e é isso que eu trarei. Cortes de impostos para a classe média e universidade para os jovens. Não será fácil, mas é o que faremos. Eu peço seu voto. Quero a honra de ser presidente dos EUA. Trabalharei incansavelmente todos os dias", disse Obama.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.