Americano declarado morto há 16 anos é detido por sequestro

Thomas Steven Sanders foi detido no Mississipi depois de uma caçada humana.

BBC Brasil, BBC

15 de novembro de 2010 | 20h48

Thomas Lee Sanders foi preso no Mississipi após uma caçada humana

Um americano declarado morto há 16 anos foi detido por suposto envolvimento no sequestro de uma garota cujo corpo foi encontrado no Estado da Louisiana.

Um porta-voz do FBI afirma que Thomas Steven Sanders, 53 anos, foi detido no último domingo na cidade de Gulfport, no Mississipi, depois de uma longa caçada humana.

Sanders é suspeito do sequestro da jovem Lexis Roberts, 12 anos, de Las Vegas, cujo corpo foi encontrado em outubro deste ano.

A polícia também está pressionando o homem por informações sobre a mãe da garota, Suellen Roberts, 31 anos, que está desaparecida. As autoridades descartam Suellen como suspeita na morte da filha.

Sanders abandonou sua família em 1987 e foi declarado morto por um tribunal do Mississipi em 1994, de acordo com documentos da corte.

"No entanto, nós agora sabemos que ele ainda está vivo e tem vínculos em diferentes Estados do país", afirmou o FBI em um comunicado.

Segundo as autoridades, no período em que foi considerado morto, Sanders trabalhou como operário, soldador e catador de metais, tendo vivido nos Estados americanos de Mississipi, Louisiana, Tennessee, Georgia e Nevada.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.