Americano é gravemente ferido em confronto em Israel

Um norte-americano foi gravemente ferido hoje durante um confronto entre manifestantes e tropas israelenses por causa do muro que separa Israel da Cisjordânia. Ativistas pela paz afirmaram que Tristan Anderson, do Estado da Califórnia, nos Estados Unidos, foi atingido na cabeça com um tubo com gás lacrimogêneo lançado por tropas israelenses. "Ele está em estado grave, anestesiado e entubado e passando por exames", disse Orly Levi, um porta-voz do hospital Tel Hashomer, em Tel-Aviv. Ela afirmou que Anderson corre "risco de morte".

AE-AP, Agencia Estado

13 de março de 2009 | 15h19

Os militares e o hospital onde está o norte-americano informaram não ter detalhes sobre como ocorreu o ferimento. O protesto foi realizado na cidade de Naalin, na Cisjordânia, onde palestinos frequentemente se reúnem para criticar a barreira. Israel argumenta que ela é necessária para manter eventuais agressores palestinos fora de seu território.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.