AFP PHOTO/Mladen Antonov
AFP PHOTO/Mladen Antonov

Americano morre ao cair em fonte termal

Acidente ocorreu em junho no Parque Nacional de Yellowstone; segundo relatório divulgado na quinta-feira, corpo se dissolveu na água em ebulição

O Estado de S. Paulo

18 de novembro de 2016 | 20h34

O corpo do americano que caiu na fonte termal do Parque Nacional de Yellowstone, nos Estados Unidos, se dissolveu nas águas ácidas em ebulição da lagoa, segundo relatório sobre o acidente divulgado nesta quinta-feira, 17.

Collin Scott, 23, estava testando a temperatura da água para dar um mergulho quando se desequilibrou e caiu na fonte. A irmã dele, que também estava no parque, gravava um vídeo no celular e registrou o acidente, mas as imagens não foram divulgadas. 

De acordo com o relatório feito por funcionários do parque, os irmãos entraram em uma área proibida, sinalizada com placas de perigo. O corpo da vítima não foi recuperado.

Segundo o historiador do parque, Lee Whittlesey, 22 pessoas morreram desde 1870 nas águas termais, que atingem temperaturas de até 121 graus. O caso mais recente foi em 2000, quando uma funcionária do parque mergulhou na fonte após confundi-la com um córrego. Cerca de 4 milhões de pessoas visitam o Parque Nacional de Yellowstone a cada ano.

(Com informações da AFP e da Reuters.)

Tudo o que sabemos sobre:
Estados Unidos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.