Americano terceiriza o emprego e é demitido

Uma empresa do setor de tecnologia nos Estados Unidos demitiu um funcionário que terceirizou o próprio trabalho. O empregado, que trabalhava como programador, pagava uma fração do salário para receber tudo pronto de outro trabalhador na China.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.