Americanos apóiam vôos espaciais, apesar do Columbia

Dois terços dos americanos apóiam a continuidade dos vôos espaciais apesar dos trágicos acidentes como o do Columbia, mas o entusiasmo pelo envio de missões com tripulantes está diminuindo, mostrou uma pesquisa encomendada pela Associated Press.Um número ainda mais alto, de quase três quartos dos entrevistados, considerou o programa espacial um bom investimento, segundo a pesquisa encomendada à empresa ICR/Internacional Communications Research of Media.O entusiasmo pelo programa espacial foi maior entre os adultos jovens, entre os profissionais e os que têm renda mais alta. O forte apoio continua mesmo após a desintegração do ônibus espacial Columbia em fevereiro e a decisão de interromper as missões dos demais ônibus ao espaço durante uma investigação sobre o desastre que matou sete astronautas.A investigação, feita por uma comissão independente, indicou que o acidente se deveu a uma pequena fissura no isolamento da asa esquerda,o que permitiu a entrada de gases de alta temperatura no veículo no momento de seu reingresso na atmosfera.Sean O?Keefe, adminsitrador da Nasa, dissse que a agência espacial está analisando as causas desse acidente, e que os vôos do ônibus podem ser retomados num prazo de entre seis e nove meses. Embora o ônibus e o programa espacial em geral contem com o apoio de dois terços dos interrogados, ou mais, a opinião sobre se é conveniente enviar um ser humano a Marte ficou mais dividida: o apoio a essa proposta é de 49%. A sondagem ouviu 1.034 adultos entre os dias 11 e 15 de julho e tem uma margem de erro de três pontos percentuais para mais ou para menos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.