Americanos ?não-essenciais? devem sair do Paquistão

O Departamento de Estado dos EUA ordenou que todos os funcionários não-essenciais da embaixada americana em Islamabad e do consulado em Lahore e suas famílias deixem o Paquistão imediatamente.O secretário de Estado dos EUA, Colin Powell, comunicou a decisão ao presidente Pervez Musharraf por telefone de Monterrey, México, onde está em companhia do presidente George W. Bush.A ordem foi dada cinco dias depois de um ataque com granadas a uma igreja frequentada por estrangeiros em Islamabad, no qual morreram cinco pessoas, entre elas dois norte-americanos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.