Americanos sofrem novas emboscadas; um iraquiano morre

Dois soldados dos EUA ficaram feridos e um civil iraquiano morreu, durante ataque a um comboio americano numa estrada que levava ao Aeroporto Internacional de Bagdá, informam os militares. O número de americanos mortos em solo iraquiano deste o início da guerra já supera os 200. O ataque deste domingo envolveu um explosivo de fabricação caseira. Segundo as primeiras informações dos militares americanos, não está claro se a bomba foi arremessada contra os veículos ou deixada no caminho, como uma mina. Em outro ato de violência, rebeldes emboscaram uma patrulha dos EUA a oeste de Bagdá, usando granadas.Um contingente de blindados americanos bloqueou uma ponte no norte de Bagdá, respondendo a uma denúncia de bomba, mas não foram encontrados explosivos no local.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.