Amigo de premiê britânico é encontrado morto em festival

Um amigo próximo do primeiro-ministro britânico, David Cameron, foi encontrado morto em um banheiro químico no festival de música Glastonbury. O premiê disse ter ficado arrasado ao saber da morte de Christopher Shale, que presidiu a Associação Conservadora do distrito eleitoral de West Oxfordshire. Cameron afirmou que Shale era um "amigo próximo e estimado".

AE, Agência Estado

26 de junho de 2011 | 10h51

A causa da morte ainda não estava clara. A polícia local confirmou a morte, mas não atendeu o telefone quando contatada para fornecer mais detalhes.

Glastonbury é uma programação fixa do calendário musical britânico. Cerca de 170 mil pessoas se deslocaram até uma fazenda no sudoeste da Inglaterra por causa do festival, que inclui apresentações de U2, Morrissey, Mumford & Sons, Coldplay, Beyonce, entre outras atrações. As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.