Anistia prega justiça e não vingança

Os Estados Unidos deveriam procurar justiça e não vingança, no caso dos ataques terroristas em Nova York e Washington, afirmou nesta quinta-feira a Anistia Internacional."Os ataques violentos sofridos pelos Estados Unidos representam as mais graves violações dos mais básicos direitos humanos. Os responsáveis devem ser levados à Justiça", disse o grupo de direitos humanos."No entanto, ao procurar justiça para as vítimas desse terrível crime, o mundo deve exercitar o mais alto respeito pelos direitos de todos os indivíduos. A solidariedade internacional com as vítimas não tem nada a ver com vingança, mas sim com cooperação com o sistema legal ao levar os responsáveis diante dos tribunais".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.