Annan envia agente para negociar soltura de israelenses

O secretário-geral das Nações Unidas, Kofi Annan, enviou um membro do serviço secreto alemão para tentar libertar dois soldados israelenses seqüestrados em julho pela milícia libanesa Hezbollah, informou o site israelense Haaretz.O agente da Agência Federal de Informações Alemã, cujo nome não foi revelado, tem experiência em mediar conflitos entre milícias libanesas e Israel e vem trabalhando para a soltura de Ehud Goldwasser e Eldad Regev desde setembro, informou o Der Spiegel, citado pelo site israelense. Um porta-voz do governo alemão se negou a comentar a notícia.Israel promoveu uma ofensiva de 34 dias após militantes do Hezbollah terem entrado em Israel, matado três soldados e seqüestrado outros dois. A libertação dos militares - que ainda não ocorreu - é uma das condições do acordo de cessar-fogo assinado em 14 de agosto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.