Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Annan vai a Moscou e Pequim conversar sobre crise síria

O enviado especial conjunto da Organização das Nações Unidas e da Liga Árabe para a Síria, Kofi Annan, viajará a Moscou e a Pequim neste fim de semana para conversar com autoridades russas e chinesas sobre a crise síria, afirmou o seu porta-voz nesta sexta-feira.

REUTERS

23 de março de 2012 | 09h45

Uma equipe enviada por Annan a Damasco voltou depois de três dias de negociações para implementar seu plano de paz que tem como principais objetivos acabar com os assassinatos, garantir o acesso de ajuda humanitária e o início de um diálogo político com a oposição, disse Ahmad Fawzi em comunicado.

"O senhor Annan e sua equipe estão atualmente estudando as respostas sírias cuidadosamente, e as negociações com Damasco continuam", disse Fawzi.

Questionado se Annan voltará à capital da Síria para conversar com o presidente daquele país, Bashar al-Assad, Fawzi disse em breve entrevista coletiva em Genebra que "ele decidirá em algum momento voltar, mas ainda não é o tempo."

(Reportagem de Stephanie Nebehay e Tom Miles)

Tudo o que sabemos sobre:
ONUANNANRUSSIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.