Anúncio contra Kerry leva advogado de Bush a renunciar

Um dos principais advogados do presidente George W. Bush abandonou a campanha do líder americano pela reeleição um dia depois de revelar que havia trabalhado para o grupo responsável pelos anúncios de televisão que atacam a vida militar do candidato democrata, John Kerry.Benjamin Ginsberg, que também representou Bush na polêmica recontagem de votos no Estado da Flórida em 2000 que definiu a eleição daquele ano, diz numa carta que os serviços prestados ao grupo Veteranos de Lanchas Rápidas pela Verdade havia se tornado uma ?distração? em relação aos temas da campanha eleitoral.A campanha de Kerry apontou a saída de Ginsberg como mais um sinal de que a campanha do presidente está ligada ao grupo de veteranos. Bush nega qualquer apoio ou patrocínio oficial aos ataques dos Veteranos pela Verdade ao passado de Kerry no Vietnã.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.