Ao menos seis morrem em ataque de maoístas na Índia

Pelo menos seis pessoas morreram neste sábado, entre elas dois agentes das forças de segurança, e cerca de dez ficaram feridas em um ataque de guerrilheiros maoístas no nordeste da Índia, informou a Polícia.O ataque aconteceu no distrito de Bojaron, no estado de Jharkand, onde cerca de 300 rebeldes, entre eles várias mulheres, atacaram uma zona onde há um projeto industrial de carvão.Os disparos dos maoístas mataram quatro civis e dois agentes das Forças de Segurança da Indústria Central (CISF) que vigiavam o projeto do carvão, disse o superintendente da Polícia Priya Dubey, citado pela agência "PTI".Os guerrilheiros, que explodiram várias minas no lugar para gerar pânico, tentaram também atacar o posto da Polícia da zona, mas os agentes repeliram.Na ofensiva, ficaram feridos quatro civis e outros dois membros das CISF, segundo a fonte.Paralelo a este ataque, a guerrilha maoísta tentou explodir uma ponte que levava à zona, para evitar que chegassem reforços das forças de segurança, o que deixou outro civil ferido.Segundo a Polícia, cerca de cinco maoístas ficaram feridos a tiros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.