Turistas desaparecem após embarcações naufragarem na Tailândia

Barcos transportavam mais de 130 pessoas; segundo autoridades locais, 90 já foram resgatadas, mas números divergem

O Estado de S.Paulo

05 Julho 2018 | 11h42

BANGCOC - O agito das águas do Mar de Andamão virou duas embarcações que transportavam mais de 130 turistas nas proximidades da ilha tailandesa de Phuket, informou nesta quinta-feira, 5, o governo local. Ao menos sete pessoas estão desaparecidas, segundo informações da polícia.

+ Naufrágio na costa da Líbia deixa 63 imigrantes desaparecidos

+ Mais três corpos são encontrados após naufrágio na Indonésia

Noventa já foram resgatadas de um dos barcos, que levava em sua maioria chineses, disse o general Teerapol Tipcharoen, comandante da polícia da Ilha de Phuket. A emissora tailandesa Channel 7, no entanto, fala em 48 passageiros salvos e 49 desaparecidos.

+ Um novo prazo para achar submarino argentino

+ Naufrágio de embarcações tradicionais mata 17 pessoas na China

Os 39 turistas que foram forçados a abandonar a segunda embarcação já estão em terra, segundo Tipcharoen. / AP e AFP

Mais conteúdo sobre:
Tailândia [Ásia] naufrágio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.