Apagão leva caos para as ruas de Barcelona

Cerca de 350 mil pessoas ficaram sem luz em Barcelona, na Espanha, por causa de incêndios em três das quatro principais subestações que fornecem energia elétrica para a cidade. O apagão - o mais grave ocorrido na história de Barcelona - começou na noite de domingo. Ontem de manhã, quando milhares de pessoas saíam de casa para ir ao trabalho, o caos tomou conta das ruas da cidade, com a paralisação de semáforos, transportes públicos, hospitais, comércios, empresas e bases de telefonia móvel. Os bombeiros tiveram de ajudar pelo menos 60 pessoas que ficaram presas em elevadores. Segundo Lluís Pinós, representante na Cataluña da Rede Elétrica Espanha (REE) - empresa que distribui a energia elétrica na região -, o problema foi causado pela queda de um cabo na subestação de Collblanc, onde teria se iniciado o incêndio que se espalhou por outras duas subestações. O ministro espanhol da Indústria, Joan Clos, que há dois anos era prefeito de Barcelona, negou a possibilidade de o apagão ter sido provocado por um ato de sabotagem.Os comerciantes e empresários da cidade já estão se organizando para pedir compensação pelos danos causados pela falta de luz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.