Após 42 anos, trem volta a unir Índia e Bangladesh

Pela primeira vez em 42 anos, um trem completou no domingo, 8, a viagem entre Calcutá, na Índia, e Daca, a capital de Bangladesh. A viagem de 500 quilômetros foi feita por funcionários do governo e marcou a reabertura de uma ligação ferroviária direta entre os dois países, que falam a mesma língua.Há mais de 40 anos que o serviço foi interrompido por causa da guerra entre a Índia e o Paquistão.A viagem inaugural sofreu mais de duas horas de atraso, mas os únicos passageiros no Expresso Moitree (Amizade) eram funcionários indianos que foram a Daca para concluir a tabela de horários do novo serviço. Em 1965, Bangladesh fazia parte do Paquistão, e a guerra com a Índia destruiu parte da linha férrea. Na década de 90, serviços diretos de ônibus passaram a viajar entre Daca e Calcutá pela primeira vez.As passagens mais baratas no novo trem devem custar o equivalente a cerca de R$ 15. O serviço deve atender a milhares de cidadãos de Bangladesh que podem buscar tratamento médico na Índia. Outros devem usar o trem para visitar amigos e parentes na Índia.As passagens para a viagem entre Bangladesh e Índia devem começar a ser vendidas ao público nas próximas semanas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.